I Congresso Nacional das Unidades de Cuidados na Comunidade

O impacto do envelhecimento e da doença crónica, a importância e desafios futuros das Unidades de Cuidados na Comunidade no SNS, a contratualização e boas práticas são alguns dos temas que "estão em cima da mesa", afirma Silvana Marques, presidente da Direção da Associação de Unidades de Cuidados na Comunidade (AUCC).

Agendado para dia 24 de maio de 2019, o I Congresso Nacional das Unidades de Cuidados na Comunidade vai realizar-se na cidade do Porto e pretende promover um debate sobre "as principais preocupações e desafios futuros dos fluxos do doente no SNS e o reposicionamento dos cuidados de saúde primários como principal porta de entrada no SNS", refere a enfermeira especialista em Saúde Comunitária e mestre em Gestão de Serviços de Saúde.



Maior intervenção das UCC

Criada em maio de 2015, a Associação de Unidades de Cuidados na Comunidade (AUCC) representa os profissionais "(enfermeiros, médicos, nutricionistas, psicólogos, fisioterapeutas, higienistas orais, assistentes técnicos, entre outros) que integram as unidades de cuidados na comunidade (UCC), no âmbito dos cuidados de saúde primários do Serviço Nacional de Saúde Português".

No âmbito da missão assumida pela AUCC, "temos proposto discutir e delinear estratégias concertadas de intervenção junto dos órgãos políticos, de administração, da sociedade e dos media, em representação das UCC", refere Silvana Marques, que assumiu a liderança da Associação em outubro deste ano. 

Entre outras ações, a coordenadora da UCC Anadia destaca o empenho em "promover a partilha de conhecimento e experiências entre sócios e entre a AUCC e outras entidades", bem como a participação nos processos de elaboração de instrumentos de Qualidade, Gestão, Boas Práticas, Contratualização, Governação Clínica e Regulação, no que concerne às UCC".


seg.
ter.
qua.
qui.
sex.
sáb.
dom.

Digite o termo que deseja pesquisar no campo abaixo:

Eventos do dia 24/12/2017:

Imprimir


Médicos de família assinalam Dia Mundial da Asma 2019 na Sertã