XXIX Fórum de Dermatologia do Centro Hospitalar do Porto

O principal motivo que leva o Serviço de Dermatologia do Centro Hospitalar do Porto (CHP) a continuar a organizar, anualmente, o Fórum de Dermatologia, "advém do interesse demonstrado pelos colegas da Medicina Geral e Familiar e de Pediatria, comprovado pelo grande número de inscrições que se regista anualmente". A explicação é dada por Manuela Selores, diretora do Serviço de Dermatologia do CHP e presidente do XXIX Fórum de Dermatologia.

A responsável explica que "o nosso grande objetivo passa por estreitar o intercâmbio entre o Serviço de Dermatologia do CHP e os cuidados de saúde primários. Nesse sentido, mantemos o modelo de dupla moderação, um especialista de Dermatologia e um especialista de Medicina Geral e Familiar."

USF Garcia de Orta é a unidade convidada este ano

Continua também a ser feita uma aposta na sessão interativa, com casos clínicos curtos que permitam, "através de um debate informal, discutir o diagnóstico e a terapêutica adequada a cada situação. Esta sessão interativa é realizada pelos internos do Serviço de Dermatologia e os internos de MGF do centro de saúde convidado para esta sessão." Este ano estará presente a USF Garcia de Orta, do ACeS Porto Ocidental.

Manuela Selores adianta que, por altura da elaboração do programa, "houve da parte da Comissão Científica o cuidado, por um lado, de elaborar um programa abrangente sobre os temas mais comuns e pertinentes na prática clínica dermatológica e, por outro, dar a conhecer novas opções terapêuticas que têm surgido nos últimos anos, fruto do avanço da investigação científica na área da Dermatologia, nomeadamente, na psoríase, na urticária e na terapêutica oncológica dermatológica."



Um espaço para "partilhar conhecimento"

À semelhança do que tem ocorrido nas anteriores edições, parte do dia de sábado está reservado à Dermatologia Pediátrica, "com um simpósio muito dirigido à prática clínica". Manuela Selores explica que "tentaremos esclarecer as dúvidas mais frequentes com que o médico de MGF e o Pediatra se deparam no seu dia-a-dia quando confrontados com patologias do foro dermatológico pediátrico".


Também no sábado, decorre um outro simpósio, "este sobre hidradenite supurativa, uma patologia, por vezes, subestimada, com grande impacto no doente e em que nos últimos anos se observaram grandes avanços na terapêutica médica".

A diretora do Serviço de Dermatologia do CHP faz questão de sublinhar que o Fórum, que se realiza novamente no Edifício da Alfândega do Porto,  pretende "continuar a ser um espaço para comunicar, ouvir e partilhar conhecimento".

O programa pode ser consultado aqui.


Contactos: 
NorahsEvents
paula.nora@norahsevents.pt 

Pode ser consultada mais informação no site do Fórum.

Imprimir