“É preciso uma aldeia inteira para educar um adolescente” é o lema de encontro sobre adolescentes institucionalizados

"Comportamentos de risco na adolescência e a institucionalização de adolescentes - desafios na atualidade" e "Uma aldeia inteira - A adolescência no direito, na saúde, na escola e na comunidade" são dois dos temas que serão debatidos no 1º Encontro Técnico, organizado pelo Centro de Acolhimento Temporário Casa do Canto. A entrada é gratuita.

A iniciativa conta com a parceria com a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens em Risco de Ansião. Serão debatidas formas de intervenção com adolescentes institucionalizados, haverá partilha e troca de experiências entre as diversas entidades e divulgado o trabalho desenvolvido pela Casa do Canto.

Objetivos do Encontro:
- Promover e divulgar os direitos da Criança:
- Impulsionar o trabalho em rede;
- Facilitar a comunicação, partilha e troca de experiências entre as diversas instituições e entidades (justiça, saúde, escola, forças de segurança, etc)
- Aproximar a Casa do Canto à comunidade e sensibilizar para a temática do acolhimento institucional:
- Divulgar o projeto "Projet Ar-te - Desafios para a mudança no sistema de acolhimento", no âmbito do Programa "Crianças e Jovens em Risco", da Fundação Calouste Gulbenkian.

O programa pode ser consultado aqui.


Contactos:
Telm.: 913 036 951, 962 133 064/5
Telf.: 236 628 432/030
Fax: 236 628 432/030
Email: casadocanto@crescerser.org

Imprimir