Diagnóstico do angioedema: Imunoalergologistas apoiam serviços de urgência

O Grupo de Interesse de Anafilaxia e Doenças Imunoalérgicas Fatais da Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica (SPAIC) divulgou há dias um póster que será distribuído nos serviços de Urgência do país.

"O objetivo é alertar para os sintomas do angioedema e sobre qual o tratamento mais adequado”, indica Natacha Santos, coordenadora deste grupo de trabalho.


Natacha Santos: "Os profissionais de saúde vão poder, rapidamente, aceder ao protocolo de tratamento da anafilaxia."

Podendo estar em causa a vida do doente, o póster apresenta, de forma simplificada, um algoritmo que permite aos médicos da Urgência saber o que fazer quando estão perante este tipo de situação clínica.

“É uma área que ainda suscita dúvidas, sobretudo quando são casos de angioedema hereditário, em que o doente pode, inclusive, ter vários episódios ao longo da vida sem ser referenciado para a Imunoalergologia”, refere Natacha Santos.

Além do algoritmo (na imagem abaixo), pode-se ter acesso a mais informações detalhadas através de um QRCode.

Os profissionais de saúde vão poder, rapidamente, aceder ao protocolo de tratamento da anafilaxia, ao da urticária e às novas orientações clínicas para angioedema hereditário da Direção-Geral da Saúde.




Reações que podem ser confundidas com outras patologias

Natacha Santos, que é imunoalergologista no Centro Hospitalar Universitário do Algarve, alerta para a importância deste póster, quer por poder ajudar os colegas a diagnosticar e a tratar, de forma antecipada, um problema de saúde que pode levar à morte, mas também para a necessidade de se referenciar para a Imunoalergologia.

E lembra que “as reações podem ser mais ou menos raras, podendo-se confundir facilmente com outras patologias ou condições clínicas”. Exemplo disso são as fortes dores abdominais, que podem indiciar uma possível apendicite e que, afinal, são um episódio de angioedema abdominal, que pode e deve ser acompanhado por um imunoalergologista.

O póster foi divulgado durante a 42.ª Reunião da SPAIC, que terminou este sábado, e pode ser consultado aqui.

Imprimir


Próximos eventos

Ver Agenda