Faculdade de Medicina de Lisboa anuncia a criação da «primeira disciplina obrigatória de cuidados paliativos»

A Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa (FMUL), sob a direção de Fausto Pinto, vai organizar ao longo do dia de quinta-feira, 14 de julho, um evento sobre cuidados paliativos, que contará com a presença do Presidente da República Portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa, e do ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, entre outras individualidades.

A reunião, que decorrerá na Aula Magna, contempla a realização de uma sessão solene sobre "O Ensino dos Cuidados Paliativos na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa". Além de várias intervenções, será lançada a 3.ª edição (revista e aumentada) do Manual de Cuidados Paliativos, "que reúne a colaboração da maior parte da massa crítica multidisciplinar dos cuidados paliativos em Portugal, mas também de personalidades internacionais da área dos cuidados paliativos têm colaborado com a FMUL ao longo dos anos".

Serão também apresentados alguns desenvolvimentos dos cuidados paliativos no Centro Hospitalar Lisboa Norte e a nível nacional.

A FMUL adianta ainda que "será anunciada a criação da primeira disciplina obrigatória de cuidados paliativos no core curriculum do Mestrado Integrado em Medicina, na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, esperando-se que esta iniciativa se alargue a todas as faculdades de medicina do país".

Imprimir



Siga-nos no Instagram