«Temos uma agência do medicamento que é uma das melhores do mundo»

O Infarmed celebrou, esta terça-feira, o seu 26.º aniversário, com a entrega dos Prémios de Boas Práticas Infarmed 25+, em Lisboa. Maria do Céu Machado, presidente da instituição, salientou que, "em 2018 aumentámos 10 a 20% da nossa atividade nacional e internacional, sendo esta última excecional para uma instituição pública portuguesa".

Fazendo um balanço do ano 2018, Maria do Céu Machado começou por dizer que se tratou de “um ano atípico, ímpar, de experiência de coesão, serenidade, competência, profissionalismo – com menor ou maior desalento”, mas no qual também se mostrou “mais resiliência, cumprindo sempre os seus compromissos”.

O aumento em 10 a 20% em todas as áreas é demonstrativo, na opinião da responsável, da qualidade do serviço prestado. “Integramos, como membros, mais de 150 comissões e grupos de trabalho internacionais, além de termos uma presença forte em projetos prioritários europeus”, indicou.



Maria do Céu Machado enumerou alguns dos feitos do ano passado, nomeadamente o desenvolvimento da articulação com o Registo Oncológico Nacional, como forma de se monitorizar os novos medicamentos na área da Oncologia, o aumento das notificações de reações adversas farmacológicas em 77% com o Portal RAM e o aumento em 18% na realização de ensaios clínicos.

Para 2019 fica o que considera “um novo e grande desafio” e que consiste na "monitorização da efetividade e a generalização da monitorização dos medicamentos após introdução no mercado, como é exemplo os fármacos para a hepatite C ou doenças lisossomais”.

A responsável mencionou ainda o foco em novas formas de pagamento e de partilha de risco, a revisão das orientações metodológicas de avaliação da farmacovigilância, o reforço da investigação e dos ensaios clínicos, entre outras medidas também pensadas para quem trabalha na instituição.



Uma agência do medicamento "que nos orgulha"

Também presente esteve Francisco Ramos, secretário de Estado e adjunto da Saúde, que reconheceu o mérito da instituição e o trabalho conjunto de todos os parceiros na área do medicamento "e que permite o trabalho de sucesso do Infarmed".

O responsável fez questão de afirmar: “Temos em Portugal uma agência do medicamento de excelência, uma das melhores do mundo, que nos orgulha e que nos deixa tranquilos quanto à regulação de todo o circuito do medicamento, inclusive quando nos comparamos com os parceiros internacionais.”


Mais de seis dezenas de projetos foram distinguidos

Infarmed 25+

No decorrer do evento, que encerrou as comemorações do 25.º aniversário do Instituto, foram entregues também os Prémios de Boas Práticas Infarmed 25+. "Sem os nossos stakeholders não poderíamos cumprir a nossa missão", sublinhou Maria do Céu Machado.

Ao todo foram entregues 64 prémios nas áreas de “Ensaios Clínicos”, “Medicamentos e Produtos de Saúde”, “Farmacovigilância”, “Indústria Farmacêutica Nacional”, “Indústria Farmacêutica Internacional”, “Associação de Doentes”, “Práticas Concorrenciais” e “Projetos”.


seg.
ter.
qua.
qui.
sex.
sáb.
dom.

Digite o termo que deseja pesquisar no campo abaixo:

Eventos do dia 24/12/2017:

Imprimir


I Jornadas Multidisciplinares de Medicina Geral e Familiar: «um marco formativo»