INSA realiza 1º Simpósio Nacional sobre alimentação infantil e contaminantes químicos

O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) está a promover, através do Departamento de Alimentação e Nutrição, a realização do 1º Simpósio Nacional “Promoção de uma Alimentação Saudável e Segura - Alimentação Infantil & Contaminantes Químicos”, que decorrerá dia 26 de novembro.

O Simpósio é dirigido a profissionais da saúde e da área da segurança alimentar, laboratórios, comunidades académica e científica, indústria alimentar e da distribuição, assim como a todas as pessoas interessadas na temática.

Na apresentação do evento, o INSA salienta que, tendo em conta as orientações do Programa Nacional para a Promoção de uma Alimentação Saudável (PNPAS) da Direção-Geral da Saúde (DGS), "torna-se importante também avaliar a segurança dos alimentos consumidos pelos portugueses". Desta forma, e "face à vulnerabilidade específica da população infantil", considera o Instituto que é da "maior pertinência abordar as questões relacionadas com a presença de contaminantes químicos nos alimentos e o seu potencial impacto na saúde pública".

Estarão em debate temas relacionadas com a biodisponibilidade, toxicidade, ocorrência e avaliação da exposição dos contaminantes químicos nos alimentos, apresentando como case-study as micotoxinas. Esclarece o INSA que estes compostos são "metabolitos produzidos por fungos cuja ingestão, inalação ou contacto dérmico pode provocar o aparecimento de doenças e morte nos seres humanos e animais, pelo que será apresentado enquanto exemplo transponível para qualquer contaminante químico".

No decorrer desta iniciativa será também apresentado o livro “Alterações do Estado de Saúde Associadas à Alimentação: Contaminação Química - Micotoxinas” que aborda as questões atuais consideradas mais relevantes no domínio das micotoxinas e suas implicações na saúde humana.

O programa pode ser consultado AQUI.

A realização do Simpósio insere-se no âmbito do projeto MycoMix PTDC/DTP-FTO/0417/2012 financiado através de fundos nacionais pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT).

Inscrições:
€50;
€30 para estudantes, elementos de entidades com contrato de prestação de serviços com o DAN/INSA e para membros dos Grupos de Trabalho PortFIR.
A entrada é limitada à capacidade da sala (100 pessoas).
A ficha de inscrição está disponível aqui.

Imprimir