«Casa Porto Seguro» para doentes hemato-oncológicos: APCL organiza jantar solidário

É já esta sexta-feira que a Ordem dos Médicos acolhe um evento solidário da Associação Portuguesa Contra a Leucemia (APCL). A iniciativa visa angariar fundos que permitam a construção da "Casa Porto Seguro", um projeto dirigido a doentes hemato-oncológicos deslocados e com carência económica.

“Para muitos doentes os tratamentos de que necessitam só podem ser feitos em hospitais centrais, o que obriga à sua deslocação a Lisboa. Por vezes precisam de permanecer meses, sobretudo quando submetidos a transplante, e muitos deles não têm familiares ou amigos com quem possam ficar quando têm alta", explica Manuel Abecassis, hematologista e presidente da APCL.



De acordo com o médico e diretor do Departamento de Hematologia do Instituto Português de Oncologia de Lisboa, a casa que a APCL pretende disponibilizar "irá permitir o seu acolhimento e o de um acompanhante, em condições de conforto e dignidade, contribuindo assim para amenizar o período difícil que atravessam”.
 
O jantar solidário da APCL realiza-se dia 22 de junho, na Sede da Ordem dos Médicos. Para animar o serão, o fadista Jorge Fernando convidou Fábia Rebordão a partilhar consigo o palco numa sessão de fados, à qual se seguirá uma atuação de stand-up Comedy, conduzida por Miguel Lambertini. 

A “Casa Porto Seguro” será construída na rua Dom Luís de Noronha, num edifício cedido pela Câmara Municipal de Lisboa, a 1 km do Instituto Português de Oncologia e a 2km do Hospital de Santa Maria, as duas Unidades de Transplante de Medula óssea de Lisboa. O grande objetivo é conseguir albergar 16 pessoas (8 famílias) de cada vez.

seg.
ter.
qua.
qui.
sex.
sáb.
dom.

Digite o termo que deseja pesquisar no campo abaixo:

Eventos do dia 24/12/2017:

Imprimir


Médicos de família assinalam Dia Mundial da Asma 2019 na Sertã