Lisboa e Vale do Tejo: Perto de 5000 utentes recorreram aos cuidados primários no fim-de-semana

No último fim-de-semana, dias 13 e 14 de janeiro, um total de 4687 consultas foram realizadas nas unidades de cuidados de saúde primários de Lisboa e Vale do Tejo que aderiram ao Plano de Contingência de Inverno, abrindo as suas portas em horário adicional.

O anúncio foi feito pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), sublinhando que "a procura indica que tem havido bom acolhimento às medidas destinadas a descongestionar as urgências hospitalares".

É também referido que os ACES com maior procura nestes dois dias foram os da Arrábida com um total de 630 atendimentos; Oeste Sul com 544 atendimentos; e Lezíria com 467 atendimentos.

Relativamente ao alargamento dos horários, foi feito nos 15 Agrupamentos de Centros de Saúde (ACES) da região, distribuídos da seguinte forma:
- Segunda a sexta-feira: 35 centros de saúde;
- Sábados: 47 centros de saúde;
- Domingos: 37

Os locais de atendimento nos Cuidados de Saúde Primários (região de Lisboa e Vale do Tejo) no período do Plano de Contingência de Inverno a funcionar para além do horário normal (de 6 a 28 de janeiro 2018) podem ser consultados aqui.

Ao divulgar os dados relativos ao último fim-de-semana, a ARSLVT reforça a mensagem particularmente divulgada nesta altura: "aos primeiros sintomas de gripe, como tosse, dores de cabeça, febre, mal-estar e dores musculares, deverá contactar o Centro de Contacto do Serviço Nacional de Saúde (SNS 24), através do número 808 24 24 24.

Imprimir