Lisboa recebeu tricologistas da América, Ásia e Europa

O 5th Lisbon´s Trichology Symposium, que se realizou em Lisboa, reuniu cerca de 180 tricologistas, provenientes de 12 países da América, da Ásia e da Europa. A reunião foi organizada pela Unidade de Cabelo do Centro de Dermatologia do Hospital Cuf Descobertas, coordenada por Rui Oliveira Soares. O objetivo deste evento anual é a atualização permanente dos dermatologistas, com o objetivo de tratar cada vez melhor os doentes.



“Os dermatologistas portugueses têm relativamente pouca formação em Tricologia, logo, ao elaborar o programa do simpósio, tivemos a preocupação de lhes dar aquilo que precisam para a sua prática clínica”, explicou Rui Oliveira Soares, salientando terem tido “a sorte” de conseguir reunir neste simpósio alguns dos melhores profissionais do mundo na área.

Ainda assim, Rui Oliveira Soares mencionou, quando questionado pela Just News, que as principais problemáticas relacionadas com esta temática, assim como os avanços a nível da investigação e do tratamento das diferentes patologias, é semelhante nos vários países. “Apesar de se tratar de uma ciência bastante comum, torna-se enriquecedor ter a perspetiva de pessoas que trabalham em sítios muito diferentes”, referiu.

Miguel Correia, coordenador do Centro de Dermatologia do Hospital Cuf Descobertas, membro da Sociedade Portuguesa de Dermatologia e Venereologia (SPDV) e um dos presidentes da iniciativa, observou que a reunião tem vindo a progredir ao longo destes cinco anos, acolhendo cada vez mais pessoas, de vários países. “É bom para Portugal e para nós enquanto profissionais, porque trocamos experiências e tornamo-nos melhores.”

De acordo com o dermatologista, foram debatidos pequenos avanços científicos durante a realização deste simpósio. “Não foram dados passos extraordinários, mas o conhecimento desenvolve-se desta forma”, concluiu.

O 5th Lisbon´s Trichology Symposium foi presidido por Miguel Correia e António Massa, presidente da SPDV.




Imprimir