My Servier

Maratona da Saúde: 91 mil euros para «acelerar a investigação científica» sobre a diabetes

O espetáculo solidário da Maratona da Saúde e da RTP+, que decorreu na passada sexta-feira, 27 de março, permitiu angariar mais de 91 mil euros, que serão canalizados para a investigação científica sobre a diabetes, o tema desta segunda edição. Jorge Gabriel, embaixador da iniciativa, e Catarina Furtado conduziram oito horas de emissão em direto, transmitida na RTP1 e na RTP Internacional, sob o mote “Juntos Vencemos a Diabetes”.

O número de valor acrescentado para onde os telespetadores da RTP ligaram ao longo da emissão – 760 20 60 90 (0,60 euros + IVA) – está ativo todo o ano, sendo assim possível continuar a contribuir para esta causa.

“É com uma enorme satisfação que vemos os resultados obtidos nesta segunda edição da Maratona da Saúde. Conseguimos realmente impactar e alertar os portugueses para a causa da Diabetes e esse era um dos nossos principais objetivos”, referiu António Coutinho, presidente da Maratona da Saúde, no final do espetáculo, acrescentando que “a Maratona da Saúde quer acelerar a investigação científica de forma a possibilitar uma melhor prevenção, um melhor diagnóstico e melhores tratamentos para as principais doenças que ainda não têm cura definitiva, como é o caso da diabetes.”

Com o Alto Patrocínio da Presidência da República, esta maratona televisiva uniu a música e o humor à angariação de fundos para a investigação científica sobre a diabetes, contando com as atuações de artistas como José Cid, Kátia Guerreiro, Paulo de Carvalho, Jorge Palma, Berg, Ricardo Ribeiro, Sara Tavares e Luiz Caracol, Donna Maria, Miguel Ângelo e Eduardo Nascimento, UHF, The Black Mamba, Leonor Andrade, e Susana Félix.

Jorge Gabriel, embaixador da Maratona da Saúde, declarou no final da emissão que “todo o tempo que dispensámos à divulgação desta doença nunca será suficiente para compensar o sofrimento e as perdas que a diabetes já provocou. É, pois, com estas iniciativas que abrimos janelas de esperança aos doentes e aos que, no futuro, possam vir a contrair a doença."

O apresentador agradeceu ainda "aos generosos portugueses que, em conjunto com a RTP e tantos outros parceiros, de boa vontade contribuíram para a investigação médica em torno da diabetes. Todos fomos o doce mais saboroso do dia.”

O espetáculo pretendeu sensibilizar os portugueses para a diabetes, com testemunhos e histórias de vida, não só de anónimos como também de figuras conhecidas do grande público, como foi o caso, nomeadamente, de Marta Leite de Castro, Tânia Ribas de Oliveira, José Pedro Vasconcelos, Telma Monteiro, Silvia Alberto, Sandra Felgueiras, José Carlos Malato, Nilton, Ana Brito e Cunha, Alberta Marques Fernandes, António Raminhos, Maria de Belém Roseira e Nuno Markl, entre muitos outros.

Além do contributo através das chamadas telefónicas, a Maratona da Saúde recebeu igualmente donativos por parte de algumas empresas, nomeadamente a HMS Sports, a Saúde CUF, a Changing Diabetes®Novo Nordisk, a MSD e a Roche Diabetes Care. Esta última vai financiar um dos Prémios Maratona da Saúde em Investigação Biomédica referentes ao tema deste ano, a diabetes, cujo concurso tem início no segundo semestre de 2015.

Prémios Maratona da Saúde em Investigação Biomédica
Durante o espetáculo de sexta-feira, foram entregues os Prémios Maratona da Saúde em Investigação Biomédica referentes à primeira edição, dedicada ao Cancro. Das mais de 80 candidaturas submetidas, um júri internacional distinguiu os quatro projetos vencedores que vão receber 25 mil euros cada um para desenvolver a investigação científica no cancro.

Imprimir


Próximos eventos

Ver Agenda