Centro Hospitalar Lisboa Norte organiza Festa da Criança

No próximo sábado, 30 de maio, o Centro Hospitalar Lisboa Norte (CHLN) organiza, entre as 10h e as 14h, a Festa da Criança. A iniciativa é dirigida a colaboradores, utentes, familiares e amigos do CHLN, mas também à população em geral. Realiza-se no âmbito das comemorações do Dia Mundial da Criança e terá lugar no parque da Consulta Externa de Pediatria do Hospital de Santa Maria. 

Entre as várias atividades e animações previstas, realizam-se espetáculos de música, de dança, aula de Zumba para pais e filhos, jogos tradicionais, passeio a cavalo, pinturas faciais, insufláveis e a participação do Pavilhão do Conhecimento, Escola Agrícola da Paiã, Baby Yoga e de outras entidades e associações.

Além de comemorar o Dia Mundial da Criança, a iniciativa visa angariar fundos a favor da Associação para as Crianças de Santa Maria (ACSM), para o financiamento do Centro de Ambulatório Pediátrico Maria Raposa, um centro com condições adequadas para o tratamento das crianças em regime de hospital de dia e consulta. Desta forma, a entrada é livre para as crianças, tendo um custo de 2€ por adulto, cujas receitas revertem para a construção do Centro Ambulatório Pediátrico Maria Raposa.

"Proteger o futuro das nossas crianças"

Maria do Céu Machado, diretora do Departamento de Pediatria do Hospital de Santa Maria e presidente da ACSM explica a importância da criação deste Centro:

"Todos os anos, um número crescente de crianças, dos 0 aos 18 anos de idade, são assistidas no nosso Departamento de Pediatria. Muitas têm doença crónica e são referenciadas de outros hospitais de Lisboa, Alentejo e Algarve. As crianças com doença crónica necessitam de cuidados multidisciplinares pois são situações complexas, de longa duração, com indicação para tecnologias sofisticadas e aprendizagem para uma auto-gestão da doença."

O Departamento de Pediatria do Hospital de Santa Maria é, salienta a sua diretora, "um dos mais diferenciados nos cuidados de saúde à criança e ao adolescente mas a competência dos profissionais não é suficiente. Precisamos de condições para tratar estas crianças e famílias – HOSPITAL de DIA e CONSULTA, com a dignidade que merecem."

Apesar de sublinhar que compreende "as dificuldades na atual crise financeira", Maria do Céu Machado considera que a criação do Centro de Ambulatório Pediátrico "não é um luxo, é a nossa forma de proteger o futuro das nossas crianças".

Trabalhar "mais e melhor em prol das crianças"

Com o propósito de acelerar a construção do Centro Ambulatório Pediátrico Maria Raposa, a ACSM, através de Maria do Céu Machado, e Carlos Neves Martins, presidente do Conselho de Administração do CHLN, assinaram, em fevereiro, um memorando de entendimento. O acordo entre ambas as entidades foi oficializado durante as XXI Jornadas de Pediatria, evento organizado pelo Departamento de Pediatria do CHLN.

Carlos Neves Martins afirmou, na altura, que “é preciso passar das palavras para a prática e, assim sendo, chegou o momento de formalizar o apoio do CHLN para a construção do respetivo centro, dado que este é o caminho que deve ser percorrido para que se possa trabalhar ainda mais e melhor em prol das crianças”.

Contacto:
acsmmariaraposa@gmail.com

Imprimir