My Servier

Prémio do melhor artigo científico na área cardiovascular: AIDFM-CETERA abre candidaturas

Já abriram as candidaturas para a 6.ª edição do Prémio AIDFM-CETERA, que vai distinguir o melhor artigo publicado em 2022 na área cardiovascular. 

De acordo com o regulamento (que pode ser consultado aqui), entre os dias 20 de novembro de 2022 e 5 de janeiro de 2023 serão aceites candidaturas de comunicações científicas originais "da autoria de investigadores portugueses na área cardiovascular (investigadores, médicos, internos e outros profissionais de saúde)".

Os três melhores artigos serão anunciados dia 16 de janeiro e o vencedor será conhecido no decorrer do XIII Congresso de Novas Fronteiras em Medicina Cardiovascular 2023, que se realiza de 24 a 26 de fevereiro de 2023.

O prémio, no valor de 3.000€, será distribuído pelos autores dos três melhores artigos. Ao vencedor é atribuído 1750€. O segundo e terceiro classificado recebem, respetivamente, 750€ e 500€.

O prémio é uma iniciativa da CETERA, Contract Research Organization (CRO) Académica fundada em 2013 e um departamento autónomo da Associação de Investigação e Desenvolvimento da Faculdade de Medicina (AIDFM), uma associação que promove a investigação biomédica na Faculdade de Medicina Universidade de Lisboa desde 1995.

Critério de Avaliação das candidaturas

São cinco os parâmetros sob os quais o júri vai apreciar o "mérito dos artigos científicos":


a) Relevância para a área de especialidade do prémio (cardiovascular)
b) Originalidade e inovação
c) Mérito/Fator de Impacto da Revista Indexada
d) Mérito/Quartil da Revista Indexada
e) Colaboração com outras instituições nacionais ou internacionais

O formulário de candidatura está disponível aqui.



5.ª edição foi a mais participada de sempre



Ana Catarina Elias

Ana Catarina Elias, médica interna da especialidade de Medicina Interna, foi a grande vencedora da 5.ª edição do Prémio AIDFM/CETERA, com o trabalho The ratio of furosemide dosage to urinary sodium concentration predicts mortality in patients with chronic stable heart failure.

Pode conhecer aqui os autores dos três trabalhos finalistas em 2022 e os dados essenciais das suas investigações.

A 5.ª edição do Prémio AIDFM-CETERA ficou marcada por ter sido aquela que reuniu o maior número de candidaturas, traduzindo, segundo a AIDFM-CETERA, “a relevância, a consistência e a visibilidade deste prémio na área da investigação cardiovascular”

Ao todo, contaram-se 25 artigos candidatos a prémio, num total de 186 autores envolvidos, de 3 universidades e 8 hospitais. As temáticas abordadas englobaram estudos em animais ou humanos e revisões/meta-análises.

Imprimir


Próximos eventos

Ver Agenda