Jornal Médico 23 - março 2015

A USF Sol, em Évora, é tema de reportagem nesta edição do Jornal Médico. A mudança de modelo organizacional não constituiu qualquer problema para a equipa desta unidade, que trabalhava com objetivos e indicadores e já colocava o utente no centro das atenções. Foi a última UCSP a tornar-se USF na cidade de Évora e é a única que contratualizou a prestação de cuidados aos utentes “esporádicos”.

SUMÁRIO:

2 - A Europa das Regiões e das Cidades
Luís Pisco
Vice-presidente do Conselho Diretivo da ARSLVT

3 - Portugal 2015, urgências e perguntas…
Rui Cernadas
Vice-presidente do CD da ARS Norte

3 - Daniel Pereira da Silva é o novo presidente da FSPOG - Federação das Sociedades Portuguesas de Obstetrícia e Ginecologia

4 - ENTREVISTA
“Devemos estar menos centrados nos hospitais e mais nos CSP”
Fernando Leal da Costa, secretário de Estado adjunto do ministro da Saúde, reconhece que tem existido um abrandamento na reforma dos cuidados de saúde primários (CSP), mas também destaca o aumento do número de portugueses com médico de família e a desospitalização de Portugal nos últimos anos. Quanto à reforma, vai continuar, mas tendo em conta que “não é perfeita”.

6 - ENTREVISTA
“A MGF e a MI são áreas privilegiadas para o seguimento dos doentes com VIH”
Subordinada ao tema “Doença VIH/SIDA e CSP”, a edição deste ano das Jornadas Nacionais de VIH dá especial relevo à Medicina Geral e Familiar no seguimento dos doentes com infeção VIH. Telo Faria, seu presidente, realça o papel fulcral destes profissionais no que respeita à prevenção e deteção precoce da patologia e, tendo em conta as características de cronicidade da doença, defende que a MGF é a indicada para o seguimento partilhado destes utentes, em parceria com a consulta hospitalar de especialidade.

7 - Aprovado novo medicamento para a infeção pelo VIH

7 - Sociedade Portuguesa de Ortopedia e Traumatologia (SPOT) lança campanha para prevenir quedas

8 - ENTREVISTA
“MF estão na 1.ª linha na suspeita e identificação de uma doença autoimune”
De 16 a 18 de abril, o Núcleo de Estudos de Doenças Autoimunes (NEDAI) da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI) vai organizar o IV Congresso Nacional de Autoimunidade / XXI Reunião do NEDAI, que terá lugar em Coimbra, no Hotel Vila Galé, centrando-se no tema “Do órgão ao organismo”. De acordo com Lèlita Santos, presidente do evento, os temas em debate são não só do interesse dos internistas, mas também de outros especialistas, como é o caso dos MF.

9 - Jornadas Nacionais Patient Care homenagearam Almeida Ruas

9 - Curso de Reabilitação e Traumatologia do Desporto assinalou 25.ª edição

10 - Cardiologia de Intervenção aposta na informação online

10 - Motricidade fina
Elisabeth Sousa
Enfermeira especialista em Enfermagem de Reabilitação

11 - Mais doentes com estenose aórtica tratados por via percutânea

12 - GRESP apoiou ação de informação sobre tosse

14 - REPORTAGEM UCFD da Amadora e de Sintra
Educação para a saúde e falta de médicos de família afetam controlo da diabetes

16 - Homeopatia pode ajudar na ansiedade

16 - Doença arterial periférica
Daniel Brandão
Secretário-geral da Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular (SPACV)

17 - José Luís Medina defende mais formação em Medicina Interna

18 - Osteoporose: novos conceitos
Eugénia Simões
Reumatologista, Instituto Português de Reumatologia

18 - Gânglio sentinela é fundamental no estudo do cancro da mama
Gabriela Valadas
Diretora clínica do Centro Hospitalar do Algarve

19 - Qualidade do ar interior em edifícios
Direção-Geral da Saúde

19 - 25 anos das Jornadas de MGF de Évora

20 - REPORTAGEM USF SOL
Personalização, humanização e proximidade de cuidados em Évora
Com a criação da USF Sol, o Centro de Saúde de Évora passou a ter apenas o modelo de Unidade de Saúde Familiar, num total de cinco USF. A funcionar desde 1 de novembro de 2013, em modelo A, acompanha 8588 utentes e é a que engloba mais extensões rurais.

23 - Tromboembolismo no doente oncológico (Informação)
Ana Pais
Assistente hospitalar de Oncologia Médica do IPO de Coimbra

24 - O papel da Medicina do Desporto na prática desportiva amadora e na saúde global
Maria João Cascais
Presidente do XII Congresso da Sociedade Portuguesa de Medicina Desportiva

24 - “O médico deve encontrar o equilíbrio entre a saúde do atleta e a necessidade dos clubes”
João Páscoa Pinheiro
Especialista em Medicina Desportiva

26 - Medicina Desportiva, atividade física e lesões musculares
Paulo Beckert
Presidente do Colégio da Especialidade de Medicina Desportiva da OM. Coordenador da Unidade de Saúde Performance da Federação Portuguesa de Futebol. Coordenador do Centro de Medicina e Traumatologia Desportiva da Clínica CUF Alvalade

26 - Suplementação de magnésio no atleta
Susana Santos
Fisiatra

27 - Testes possibilitam ajustes individualizados no treino e prescrição de exercício físico saudável (Informação)

28 - A importância da nutrição no desporto
Vera Fernandes
Dietista coordenadora do Programa Alimentação Saudável do Jumbo. Membro dos Corpos Sociais da Associação Portuguesa de Dietistas (APD). Membro da Ordem dos Nutricionistas nº 1581D

28 - APIC e GEFERC assinaram protocolo para melhorar reabilitação cardíaca

29 - Dois em cada três atletas usam suplementos nutricionais

30 - Nutrir e cuidar no pós-AVC
Célia Lopes
Dietista, Medical Affairs Nutricia Advanced Medical Nutrition

30 - ECCI de Paredes Rebordosa: A disfagia é a grande preocupação

31 - Disfagia. Há coisas na vida difíceis de engolir… (Informação)

32 - “MF tem um papel primordial na saúde da mulher”
Fernanda Águas
Presidente da Sociedade Portuguesa de Ginecologia

32 - A importância da Medicina Sexual
Maria do Céu Santo
Ginecologista e obstetra e especialista em Medicina Sexual

32 - Consulta de Ginecologia assume um “valor incontornável” na adolescência
Helena Leite
Consulta de Ginecologia da Infância e Adolescência do Serviço de Ginecologia da Maternidade Bissaya Barreto,
em Coimbra

34 - Identificação de situações sintomáticas de endometriose deve ser prioritária nos CSP
Carlos Calhaz Jorge
Professor associado da FMUL e diretor do Centro de Procriação Medicamente Assistida (PMA) do Centro Hospitalar Lisboa Norte/HSM

34 - “Consultas de Planeamento Familiar não estão garantidas em todo o país”
Teresa Bombas
Presidente da Sociedade Portuguesa da Contraceção (SPDC)

34 - Avaliação psicossomática da dor pélvica crónica
Tereza Paula Gomes
Médica ginecologista e obstetra da Maternidade Alfredo da Costa, em Lisboa

36 - Rastreio é o melhor método para prevenir a mortalidade do cancro do colo do útero
José Alberto Fonseca Moutinho
Presidente da Secção de Colposcopia e Patologia do Trato Genital Inferior (SPCPCV) da Sociedade Portuguesa de Ginecologia

36 - Queixas vulvovaginais são o principal motivo de consulta ginecológica
Pedro Vieira Baptista
Ginecologista/obstetra do Serviço de Ginecologia do Hospital de São João, no Porto

37 - Cancro do endométrio é o tumor maligno mais frequente
Ana Francisca Jorge
Diretora do Serviço de Ginecologia do IPO de Lisboa

37 - Miomas uterinos afetam 25-40% das mulheres em idade reprodutiva
Fátima Faustino
Presidente da Secção Portuguesa de Endoscopia Ginecológica (SPEG) da Sociedade Portuguesa de Ginecologia

38 - Cancro da mama é o que mais mata nas mulheres
José Luís Sá, diretor do Serviço de Ginecologia do IPO de Coimbra

38 - Incontinência urinária: problema pode manifestar-se em qualquer idade
Liana Negrão
Presidente da Secção de Uroginecologia da Sociedade Portuguesa de Ginecologia

38 - 1/3 da vida das mulheres é passada na menopausa
Fernanda Geraldes
Ginecologista/obstetra da Maternidade Bissaya Barreto

Imprimir