LIVE Medicina Interna 3 - julho 2015

É na sua casa de refúgio de Caminha, em frente à foz do rio Minho, que João Araújo Correia, 55 anos, recebe a Just News. Num ambiente familiar, com vista para o rio, o vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI) e diretor do Serviço de Medicina I do Hospital de Santo António - Centro Hospitalar do Porto fala-nos sobre a evolução da Medicina Interna e deixa um alerta: não se crie a especialidade de Urgência, para o bem dos doentes e da própria Medicina Interna.

Ao longo da entrevista, publicada nesta edição de julho de LIVE Medicina Interna, João Araújo Correia manifesta a sua grande admiração pelo avô e explica porquê: "O meu avô marcou-me muito. Além de médico, era contista, como referi. Nunca repetia uma história, mesmo quando a idade já era muita. A casa dele, que foi pena não ter sido conservada, era a um de médico ´João Semana`, e o consultório até tinha uma mesa obstétrica!"

O vice-presidente da SPMI afirma inclusive que o seu avô era "uma espécie de Robin dos Bosques da Medicina e só assim se explica como pôde formar cinco filhos. Os ricos pagavam bem pelos seus serviços médicos e aos pobres tudo dava, incluindo os próprios medicamentos. A sua importância como médico e escritor foi tão grande que o município do Peso da Régua deu o seu nome à escola secundária e ao Balneário das Caldas do Moledo e lhe erigiu uma estátua junto ao rio."




SUMÁRIO

Entrevista
8    João Araújo Correia 
"Não se pode ir para MI quando esta é uma segunda opção. Não se vai aguentar"

Reportagem
32    Serviço de Medicina Interna do Hospital Beatriz Ângelo e Departamento  de Medicina Interna e Medicina Intensiva do Hospital da Luz

Discurso direto

14       Diana Guerra
XXII Congresso Nacional de Medicina Interna: o início…

16       Germano Couto
Os desafios da Medicina Interna

18     Pedro Alcântara Silva/Manuel Villaverde Cabral
Avaliação comparativa das valências do SNS (2001-2013)

20     Luís Brito Avô
VI Simpósio do Núcleo de Estudos de Doenças Raras da SPMI

21      Catarina da Luz Oliveira 
O farmacêutico clínico na Medicina Interna

24    António Martins Baptista 
1.º Congresso Nacional de Urgências

38    José Alberto Silva 
Desnervação simpática renal: que futuro?

42     Rui Santana 
A integração de cuidados de saúde – mind the gap

44     Alexandre Abrantes 
Países ricos, países pobres.  Financiamento do setor da saúde em tempo de crise.

45    Fátima Campante 
IX Jornadas do NEDF

46     Jorge Crespo 
Doença de Behçet

Notícias

22     25 anos de voluntariado em São Tomé e Príncipe
Lançamento do livro “Saúde para todos” na Gulbenkian

30    O doente idoso em ambulatório
I Jornadas da Clínica CUF Belém

40     Pedro Cunha
"O internista tem um papel integrador, de colaboração e estimulação das parcerias"

46     Behçet em Portugal
Blog apoia doentes e familiares

Espaço Internos

25     Fátima Leal Seabra 
24.ª Escola Europeia de MI

26     Sessão de abertura do 10.º ENIMI 
Internos de MI considerados exemplo

26     Francisco Allen Gomes 
A sexologia clínica no quotidiano da MI

27     Rosa Ferreira 
Foi enorme o desafio

28     Sara Camões 
Assembleia de Representantes Locais

29     Inês Coelho dos Santos 
Ser interno de Medicina Interna no… CH do Médio Tejo

Especial IV Congresso Nacional de Autoimunidade/XXI Reunião Anual do NEDAI

48      Sessão de abertura 
Presidente da SPMI desafia internistas a apostar na investigação clínica e na formação

50     Lèlita Santos 
Papel dos tecidos-alvo no desenvolvimento da autoimunidade

50    Jorge Crespo
Transplante de células hematopoiéticas nas doenças autoimunes sistémicas

51      Deolinda Portelinha 
Registos em autoimunidade

51     Carlos Vasconcelos 
O sistema gastrintestinal e hepatobiliar nas DAIS

52    Entrevista José Delgado Alves 
“A ferramenta da MI é a nossa maneira de pensar”

Especial XXI Congresso Nacional de Medicina Interna

55      Sessão de abertura 
A posição nuclear dos internistas

56      A MI como governante da clínica hospitalar

57     Distinção 
Três novos sócios honorários da SPMI

58     Entrevista Joseph Ming Wah Li
“Hospitalistas afirmam-se como peças fundamentais no sistema  de saúde dos EUA”

60     Mensagem no final dos trabalhos 
Internistas: a responsabilidade de liderar as mudanças

61     Raquel Farias 
Uma médica com alma de fadista

62    Presença internacional 
Da metáfora da ponte e de um rio “divorciados” à humanização da Medicina



Imprimir