Portugal associa-se às comemorações do Dia internacional da Medicina de Urgência

A Sociedade Portuguesa de Medicina de Urgência e Emergência (SPMUE), presidida por Adelina Pereira, é uma das muitas entidades que, a nível mundial se associa hoje à comemoração do Dia Internacional da Medicina de Urgência (EM-Day).



Criado há 4 anos pela EUSEM - European Society for Emergency Medicine, este Dia visa "promover e aumentar a consciência global para a medicina de emergência", explica  Adelina Pereira.

A iniciativa pretende igualmente "reforçar a importância da existência de serviços médicos, formados por médicos com diferenciação nesta área, bem como da sua organização para priorizar, coordenar e direcionar o atendimento a vários doentes ao mesmo tempo, em áreas distintas".

Reforma dos Serviços de Urgência no Pós-Pandemia

Durante o período da manhã o Centro Hospitalar Universitário de São João (CHUSJ) promove um debate sobre a "Reforma dos Serviços de Urgência no Pós-Pandemia". A iniciativa conta com as presenças do bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, do presidente do Instituto Nacional de Emergência Médica, Luís Meira, da diretora executiva do ACES Porto Oriental, Dulce Pinto, e do diretor da Unidade Autónoma de Gestão da Urgência e Medicina Intensiva do CHUSJ, Nelson Pereira.


Imprimir


Próximos eventos

Ver Agenda