Portugal e Suécia partilham experiências nas áreas dos cuidados de saúde preventivos e primários

Realiza-se amanhã, 11 de novembro, no Porto Business School, um seminário organizado pela Business Sweden e Embaixada da Suécia em Portugal, em conjunto com a Health Cluster Portugal, com o apoio da Porto Business School, Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte e Misericórdia do Porto.

O objetivo do seminário é promover a troca de experiências e a partilha de conhecimentos nas áreas dos cuidados de saúde preventivos, primários e controlo de qualidade, oferecendo aos participantes a possibilidade de "participar ativamente no diálogo entre os principais atores do sistema de saúde e da comunidade científica de Portugal e Suécia".   

O seminário é focado no conceito sueco de saúde eficiente, denominado Symbiocare – o caminho mais rápido para uma saúde global de primeira qualidade. Symbiocare é um conceito de gestão na área da saúde e da medicina com um objetivo claro: integrar todas os intervenientes que fazem parte do sistema e proporcionar cuidados de saúde de primeira qualidade a todos, utilizando todos os recursos existentes.

Symbiocare é também uma rede de empresas suecas, consultores, organizações e agências governamentais, empenhadas em tornar e setor da saúde mais eficiente. Foi criada por iniciativa do governo e da indústria suecos.

O seminário Symbiocare será aberto pela embaixadora da Suécia em Portugal, Caroline Fleetwood, em conjunto com o presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do norte, Luis Castanheira Nunes, e o reitor da Business School do Porto, Nuno Sousa de Pereira.

Entre os oradores presentes encontra-se Mats Larson, perito internacional e consultor do governo sueco para a área da Saúde, cuja intervenção será focada na forma como o sistema de saúde sueco se tem desenvolvido, rumo a um modelo de maior custo-eficiência.

Esta intervenção será seguida por dois debates. O primeiro versará sobre a importância dos cuidados preventivos, enquanto o segundo será dedicado às questões relacionadas com os cuidados de saúde primários e a coordenação entre os hospitais e os centros de saúde.

Este seminário conta habitualmente com a presença de vários acionistas portugueses e suecos do sector da saúde, que aproveitam a oportunidade para falar acerca das melhores práticas relacionadas com a saúde.

Representantes de cinco empresas suecas líderes no sector e organizações privadas portuguesas participam nos debates, com vista a trazer melhores cuidados de saúde e de uma forma mais eficiente aos cidadãos portugueses.

Imprimir


Médicos de família assinalam Dia Mundial da Asma 2019 na Sertã