Jornal das XVII Jornadas sobre a Infecção VIH

Fazendo um balanço “francamente positivo” do Programa Nacional de Prevenção e Controlo da Infeção VIH/SIDA, que termina este ano, Telo Faria, seu coordenador regional, fala dos resultados do mesmo e dos planos a colocar em prática até ao final de 2016.

Realçando o facto de a epidemiologia desta infeção ter vindo a alterar-se, o coordenador do Núcleo de Estudos sobre a Infeção VIH da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna e também presidente destas Jornadas, afirma que, de acordo com os últimos dados, houve um decréscimo de 11,2% no número de novos casos de SIDA.

Imprimir