Women`s Medicine Especial - 40 anos da Sociedade Portuguesa de Ginecologia

Nesta edição de Women`s Medicine inteiramente dedicada aos 40 anos da Sociedade Portuguesa de Ginecologia (SPG), estão em destaque as entrevistas a quatro ex-presidentes da Sociedade e a Fernanda Águas, que atualmente lidera a SPG.

Entre tantas especialidades médicas, a presidente da SPG explica à Just News que a sua escolha "foi fácil" e que, quando entrou para Medicina, "foi com o objetivo de um dia ser ginecologista/obstetra." Na entrevista de fundo, Fernanda Águas afirma que "embora, inicialmente, a minha preferência fosse pela Obstetrícia, ao fazer a parte do internato da especialidade correspondente à Ginecologia, cedo verifiquei que a diversidade de áreas de interesse desta especialidade a tornavam fascinante. O meu gosto pela cirurgia acabou também por ser determinante, porque na Ginecologia pode aplicar-se uma grande diversidade de técnicas cirúrgicas, ao passo que a Obstetrícia fica praticamente limitada às cesarianas."



SUMÁRIO:

ENTREVISTAS

08 Carlos Freire de Oliveira
“Em algumas áreas da Ginecologia estamos mais à frente do que a maior parte dos países europeus”
Carlos Freire de Oliveira, que foi presidente da Direção da SPG por dois mandatos consecutivos, dá-nos a conhecer um pouco da história da Sociedade, que soma agora 40 anos. Na sua opinião, têm-se verificado grandes avanços e a Ginecologia, em Portugal, nalgumas áreas, está, inclusive, “mais à frente” do que na maior parte dos países europeus.

10 Teresa Osório
“Progrediu-se muito em conhecimento e em tecnologia, mas muito pouco na prevenção do cancro”
Progrediu-se muito em conhecimento e em tecnologia nas últimas décadas, mas muito pouco na prevenção do cancro. Teresa Osório, a primeira mulher presidente da Sociedade Portuguesa de Ginecologia e a oradora convidada para fazer o balanço dos 40 anos de vida deste organismo na cerimónia de abertura do XIII Congresso, diz mesmo que ainda há um longo percurso a realizar na área da prevenção e, nomeadamente, na informação das populações, bem como na Educação para a Saúde.

12 Daniel Pereira da Silva
“Vivi tempos fantásticos, de grande entusiasmo e de desenvolvimento”
Muito cedo decidiu que queria seguir Ginecologia e reconhece que viveu “tempos fantásticos”. Daniel Pereira da Silva, atual presidente da Federação Portuguesa das Sociedades de Obstetrícia e Ginecologia (FSPOG), terminava o seu curso de Medicina na altura da criação da SPG q, ue afirma ter tido um papel importante no desenvolvimento da especialidade. Não vê o futuro imediato com tão bons olhos, mas, não sendo pessimista, acredita que temos de melhorar.

14 José Martinez de Oliveira
“Qualidade da formação em Ginecologia em Portugal é das melhores do mundo
Convidado a atribuir uma nota ao nível técnico da especialidade de Ginecologia em Portugal, José Martinez de Oliveira responde, de forma segura, que daria um “Excelente”, perceção que colheu enquanto representante nacional da European Board and College of Obstetrics and Gynaecology. O especialista é o antecessor imediato de Fernanda Águas na presidência da SPG, cargo que ocupou durante sete anos. Uma exceção.

16 João Luís Silva Carvalho
“A Ginecologia foi uma das áreas da Medicina que mais rápida e profundamente evoluiu”
A cumprir o terceiro mandato à frente do Colégio da Especialidade, o professor e investigador João Luís Silva Carvalho saúda os 40 anos da Sociedade Portuguesa de Ginecologia e sublinha o papel importante que este organismo tem desempenhado na educação médica.

20 Fernanda Águas
“Gostaríamos de fazer estudos epidemiológicos para obter dados nacionais em temas de interesse para a Ginecologia”
Numa altura em que se realiza mais um Congresso da especialidade, Fernanda Águas, presidente da Sociedade Portuguesa de Ginecologia, salienta a criação da Secção Portuguesa de Menopausa e apresenta uma atualização do Estudo de Avaliação sobre Práticas Contracetivas em Portugal. A curto prazo, poderá nascer um núcleo de interesse em Imagiologia. “Queremos continuar a contribuir para a formação pós-graduada dos nossos internos e jovens especialistas”, refere a diretora do Serviço de Ginecologia da Maternidade Bissaya Barreto.

DISCURSO DIRETO

09 Ana Francisco Jorge
Secção Portuguesa de Ginecologia Oncológica

11 José Luís Sá
Núcleo de Mastologia

18 Fernanda Geraldes
Secção Portuguesa de Menopausa

26 Rita Mesquita Pinto
Portuguese Network of Trainees in Obstetrics and Gynaecology

28 Maria do Céu Santo
Núcleo de Medicina Sexual

30 José Alberto Moutinho
Secção Portuguesa de Colposcopia e Patologia Cervico-Vulvo-Vaginal

32 Helena Barros Leite
Núcleo de Ginecologia da Infância e Adolescência

34 Fátima Faustino
Secção Portuguesa de Endoscopia Ginecológica

38 Liana Negrão
Secção Portuguesa de Uroginecologia

GALERIA
17 Imagens do IX Congresso
27 Imagens do X Congresso
33 Imagens do XI Congresso
36 Imagens do XII Congresso

Imprimir