Apresentação do protocolo entre a APCP e a FMUL sobre os cuidados paliativos em Portugal

A Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos (APCP) e a Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa (FMUL) estabeleceram um protocolo de colaboração, com ações nos domínios do ensino, investigação e divulgação científica, participação em projetos e acesso a bibliotecas, na área dos Cuidados Paliativos.

“Esta colaboração tem como objetivo um trabalho conjunto em prol do desenvolvimento dos Cuidados Paliativos, promovendo encontros para a partilha de conhecimento e experiência. O protocolo com esta entidade faz todo o sentido, já que a Faculdade de Medicina foi a percursora na formação avançada de Cuidados Paliativos em Portugal”,  refere Manuel Luís Capelas, presidente da APCP.

“A partilha de sinergias entre as duas instituições é uma mais valia, tanto para os alunos e docentes da Faculdade, como para os sócios da Associação. Com esta parceria teremos condições especiais para oferecer, nomeadamente nos congressos, cursos, jornadas e atividades científicas”, acrescenta José Fernandes e Fernandes, diretor da Faculdade de Medicina de Lisboa.

O protocolo é apresentado publicamente no dia 10 de julho, na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, numa sessão especial inteiramente dedicada aos cuidados paliativos.

Imprimir