As «Políticas públicas de saúde» vão estar, amanhã, em debate na 1.ª Conferência Anual da Rede SAÚDE

Realiza-se amanhã, 2 de fevereiro, a 1.ª Conferência Anual da Rede SAÚDE - Rede Temática Interdisciplinar Saúde, uma iniciativa da Reitoria da Universidade de Lisboa (ULisboa), que visa "valorizar as competências de investigação e desenvolvimento da universidade numa área estratégica para a região e para o país".

O evento, cuja inscrição é gratuita, decorrerá no Salão Nobre da Reitoria da ULisboa e pretende dar a conhecer e promover a reflexão sobre o "diagnóstico de competências internas" que o grupo inicial de peritos da Rede tem vindo a preparar e "os grandes desafios colocados à inovação em Saúde." que tem debatido internamente.

O propósito final é que a partilha destas reflexões com a comunidade académica da ULisboa possa "fortalecer o trabalho colaborativo que permitirá à universidade reforçar o posicionamento estratégico enquanto parceiro competitivo do ponto de vista internacional".

Após a sessão de abertura, Hans Henrik Saxild, da University of Copenhagen, abordará na sua intervenção quais são os princípios e métodos do InnoLIFE, assim como as atividades planeadas para o futuro.

"Políticas públicas de saúde" é tema de uma das sessões do programa, onde vários especialistas das Faculdades de Farmácia e Medicina da ULisboa vão debater aspetos relacionados com os cuidados de saúde primários, a continuidade e qualidade de cuidados de saúde, a avaliação de tecnologias da saúde e as interações entre a saúde e ambiente.

As outras duas sessões irão promover a reflexão e debate sobre "Tecnologias para a saúde” e "Biomedicina”.

O evento termina com uma conferência que será proferida por Nicolas Szita, da University College London, e intitulada: "Breaking the analytical bottleneck: towards non-invasive and real-time characterisation of stem cell culture growth kinetics using a microfluidic approach".



O programa pode ser consultado aqui.

Contactos
tel.: +351 210 443 485
e-mail: acm@reitoria.ulisboa.pt


Imprimir