Bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas recebeu Prémio Prestígio CESPU 2014

O bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas foi o orador convidado da Cerimónia Solene da Sessão de Abertura Ano Letivo 2014-2015 dos Estabelecimentos de Ensino Superior da CESPU, a entidade instituidora do Instituto Superior de Ciências da Saúde-Norte e do Instituto Politécnico de Saúde do Norte.

A cerimónia realizou-se na semana passada e contou com uma plateia de mais de 300 pessoas, a maioria estudantes, que assistiu à homenagem surpresa que a direção da CESPU fez questão de prestar ao bastonário da OMD.

Convidado para proferir a Lição Inaugural da Sessão Solene, Orlando Monteiro da Silva foi surpreendido com a atribuição do Prémio Prestígio CESPU 2014. Uma “homenagem singela”, como lhe chamou o presidente do CESPU, ao bastonário da OMD.

Da oferta educativa da CESPU fazem parte a Medicina Dentária, as Ciências da Nutrição, a Enfermagem, a Podologia, a Farmácia, a Radiologia ou Fisioterapia, entre muitas outras, e que incluem licenciaturas, pós-graduações e mestrados.

Como referiu na Lição Inaugural Orlando Monteiro da Silva: “Temos aqui, nesta sala, nesta aula, provavelmente o mais diversificado leque de formação na área da saúde do nosso país. A CESPU, ao que me consta, tem já 12 nacionalidades diferentes de alunos nos cursos que disponibiliza. Estão sem dúvida no bom caminho. Sei que a CESPU tem a legítima pretensão de se tornar ainda mais abrangente, ainda mais eclética nalgumas áreas adicionais em Portugal e também através do seu projeto de internacionalização”.

É uma estratégia que para o bastonário “se identifica com a própria visão da Ordem dos Médicos Dentistas, que já há vários anos alertou para a pertinência de uma viragem do foco no ensino pré-graduado exclusivamente nacional para a atração de estudantes estrangeiros, em particular no que respeita à medicina dentária face à pletora existente em Portugal."

Acrescenta Orlando Monteiro da Silva que, "felizmente, o reconhecimento automático de diplomas e a qualidade de ensino em saúde generalizadamente reconhecidas em Portugal têm mitigado, nomeadamente através da emigração de jovens qualificados, na legítima aceitação de condições remuneratórias e outras mais vantajosas que aquelas oferecidas em Portugal”.

Do programa da Sessão Solene fez ainda parte a entrega de prémios aos melhores alunos licenciados em cada um dos cursos lecionados na CESPU e a entrega de Diplomas aos que terminaram o curso no ano letivo 2013-2014.

Àqueles que se preparam para entrar na vida profissional, numa área tão sensível e essencial como a saúde, Orlando Monteiro da Silva deixou a seguinte mensagem:

"A medicina não é propriedade de nenhum grupo profissional em particular. Não é sequer exclusiva dos profissionais que nela exercem. É acima de tudo uma responsabilidade partilhada das pessoas, da sociedade e influenciada por um conjunto de determinantes sociais: economia, educação, genética, condições demográficas, geográficas, etc. A saúde é assim uma responsabilidade individual e coletiva em que todos têm que participar e todos têm um papel a desempenhar”.

Imprimir