Dois novos "Cafés Memória" para apoiar quem tem demências e seus familiares

A Sonae Sierra e a Associação Alzheimer Portugal acabam de assinar uma parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa para a criação de mais dois “Cafés Memória” com vista à expansão do projeto que passa a contar com a realização de quatro sessões mensais - três em Lisboa e uma em Cascais. O “Café Memória ” é um local de encontro destinado a pessoas com problemas de memória ou demência, seus familiares e cuidadores

Os dois novos espaços vão funcionar na cafetaria do Museu de S. Roque (Lg. Trindade Coelho, ao Chiado) e no Espaço Santa Casa (Campo de Santa Clara), respetivamente nos segundos e quartos sábados de cada mês. A primeira sessão está agendada para o dia 8 de março. Cabe à Direção dos Prémios Santa Casa Neurociências, responsável pela criação da bolsa Mantero Belard que aposta na investigação das doenças neurodegenerativas, a coordenação desta iniciativa nos espaços Santa Casa.

Objetivo
O projeto “Café Memória” foi criado em abril de 2013, com sessões a decorrerem nos Centros Comerciais da Sonae Sierra, no Centro Colombo e CascaiShopping, e tem como objetivo proporcionar locais de encontro para a partilha de experiências e suporte a pessoas com problemas de memória ou demência, seus familiares e cuidadores. Esta iniciativa pretende, assim, contribuir para a melhoria da qualidade de vida e redução do isolamento social em que estas pessoas muitas vezes se encontram.

Desde o seu lançamento, foram realizadas 22 sessões, ao ritmo de duas por mês, nos primeiros e terceiros sábados de cada mês, nos restaurantes Portugália do Centro Colombo e do CascaiShopping respetivamente. Nos primeiros nove meses, foram cerca de 120 o número de participantes nestas sessões. Destes, mais de 70 eram cuidadores e/ou familiares de pessoas com demência.



Elsa Monteiro, Diretora de Sustentabilidade da Sonae Sierra, explica que “o sucesso desta iniciativa fez com que novas empresas e instituições se sensibilizassem para esta temática e quisessem fazer parte do projeto e é com grande satisfação que concretizamos esta parceria com a Santa Casa por sabermos que é também sua missão contribuir para a resposta a um problema social e de saúde pública cada vez mais relevante em Portugal, como é o das demências. Estamos confiantes que, ainda este ano, iremos anunciar novas parcerias para levarmos o projeto a outras regiões do país”.

O presidente da Associação Alzheimer Portugal, João António Carneiro da Silva, salienta que “a criação de espaços de partilha e de informação constitui um imperativo crescente em Portugal. Estima-se que existam cerca de 153 mil pessoas com demência e mais de 90 mil com a Doença de Alzheimer e este tipo de iniciativas podem fazer a diferença no apoio aos doentes e seus cuidadores, bem como, na sensibilização da população em geral para o tema." De acordo com João António Carneiro da Silva, a parceria com a Santa Casa reveste-se de "particular importância porque permite alargar o espetro de intervenção do “Café Memória”, graças ao prestigiado trabalho que esta instituição desenvolve desde há 515 anos junto do vasto universo de idosos que tem na sua rede de cuidados”.

Rita Paiva Chaves, diretora dos Prémios Santa Casa Neurociências refere que “na Santa Casa estamos conscientes da problemática das demências nos tempos que correm. O aumento da esperança de vida e a reduzida taxa de natalidade são variáveis que traduzem um cenário futuro complicado. A consciencialização do público em geral para este tema e, consecutivamente, o diagnóstico precoce, a destigmatização da demência, o apoio e acompanhamento dos cuidadores, familiares ou profissionais, são ações imperativas e que não podem passar ao lado da sociedade."


Sobre o Café Memória
O lançamento do ”Café Memória” em Portugal é uma iniciativa da Sonae Sierra e da Associação Alzheimer Portugal e conta desde o seu lançamento com o apoio de diversos parceiros institucionais: Fundação Calouste Gulbenkian; Fundação Montepio e Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica Portuguesa. A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa junta-se agora a esta rede de parceiros que conta, ainda, com o apoio da Portugália restaurantes, Optimus, Delta Cafés, Sumol+Compal, Celeiro e CPP.
A criação do ”Café Memória” insere-se num projeto mais vasto - CUIDAR MELHOR de Apoio aos Cuidadores de Pessoas com Demência - lançado igualmente pela Associação Alzheimer Portugal e pelos referidos parceiros institucionais, que conta ainda com o apoio dos Municípios aderentes Cascais, Oeiras e Sintra.

Imprimir