Promoção da investigação biomédica: Nova Medical School acolhe exposição da Fundação BIAL

A exposição itinerante dos 25 anos da Fundação BIAL vai estar patente desde esta segunda-feira até dia 29 de dezembro na Nova Medical School – Faculdade de Ciências Médicas de Lisboa. Para Jaime Branco, diretor da NMS-FCM, é “uma honra” receber a iniciativa numa instituição que já foi premiada em mais que um trabalho.

Perante alunos e professores, Jaime Branco fez questão de felicitar Luís Portela, presidente da Fundação BIAL, pelos 25 anos e pela exposição itinerante, que dá a conhecer o trabalho desenvolvido ao longo destes anos. E realçou o impacto da Fundação no mundo académico e da saúde:

“Tem tido um papel muito relevante na investigação da área biomédica em Portugal, quer premiando trabalho já feito como através de bolsas.”


Daniel Bessa, Luís Portela e Jamie Branco

O responsável fez questão de sublinhar que “muitos milhões de euros têm sido disponibilizados na promoção da investigação biomédica, num país em que os apoios são escassos.”

Jaime Branco relembrou ainda a colaboração da Faculdade, nomeadamente nos júris dos Prémios da Fundação BIAL, sendo este “um dos elos” entre ambas as instituições.


Jaime Branco

"Apostar no envolvimento da ciência na área da Saúde em Portugal"

Luís Portela fez questão também de mencionar “a relação bonita” com a NMS-FCM ao longo destes 25 anos.

Relembrando a história da Fundação BIAL, Luís Portela falou da sua criação, que contou com a colaboração do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas. “A Fundação nasceu do cruzamento de duas vontades: assumir uma postura mecenática e apostar no envolvimento da ciência na área da Saúde em Portugal.”



O responsável destacou ainda a atribuição de prémios, como o Prémio BIAL de Medicina Clínica e o BIAL Award in Biomedicine, assim como de outras iniciativas, nomeadamente o Programa de Apoios Financeiros a Projetos de Investigação Científica, orientados para o estudo neurofisiológico e mental do ser humano nas áreas da Psicofisiologia e da Parapsicologia. A partilha de conhecimentos em alguns eventos não foi esquecida, nomeadamente os simpósios “Aquém e Além do Cérebro”.

Daniel Bessa, curador da exposição, realçou por sua vez, “os vários trabalhos premiados da NMS-FCM”, principalmente os dois atribuídos a Jaime Branco.



A exposição, itinerante, passa pelas várias escolas de Medicina do país e também por algumas instituições europeias e norte-americanas. Após ter começado no ICBAS, já esteve patente na Escola de Medicina da Universidade do Minho, na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa e na Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra.



Calendário da exposição itinerante Fundação BIAL – 25 Anos:

2020
13/1 – 29/1 - FCS - Universidade da Beira Interior 
3/2 – 19/2 - Departamento de Ciências Biomédicas e Medicina - UA
26/2 – 13/3 - ISPA – Instituto Universitário
1/4 – 4/4 – 13.º Simpósio Aquém e Além do Cérebro, Casa do Médico - Porto
14/4 – 28/4 - FMUP 

seg.
ter.
qua.
qui.
sex.
sáb.
dom.

Digite o termo que deseja pesquisar no campo abaixo:

Eventos do dia 24/12/2017:

Imprimir