My Servier

Homenagem ao psicanalista António Coimbra de Matos, que defendia «mais amor, menos doença»

"É uma figura de grande relevo na história da saúde mental em Portugal." É desta forma que a Comissão Organizadora do Congresso Mais Amor Menos Doença começa por recordar António Coimbra de Matos, psiquiatra, pedopsiquiatra e psicanalista.

Agendado para dias 19 e 20 de maio de 2023, o evento vai decorrer na cidade do Porto e na Galafura/Peso da Régua, integrando nas suas comissões científica e organizadora duas dezenas de especialistas.

O lema do Congresso, "Mais amor, menos doença", tem um especial significado, já que essa é uma das principais mensagens deixadas por António Coimbra de Matos, que faleceu a 1 de julho do ano passado. Foi, aliás, o título de uma das suas obras mais lidas.

Além de "prestar homenagem ao ilustre Professor Doutor António Coimbra de Matos", o evento permitirá a "apresentação de trabalhos científicos, palestras, debates e exposição de posters na área da saúde mental, com especial enfoque no legado do professor".



Algumas das citações de António Coimbra de Matos recordadas pela Comissão Organizadora:


- “Não é fácil amar, mas é bom. E se não se amar não se vive."

- "A revolta é o grande remédio para a depressão. Começamos a melhorar quando nos começamos a revoltar."

- “Nascemos de um sonho, vivemos no sonho, morremos quando o sonho acaba. E a cura analítica não é mais que a abertura ao sonho; acaba quando o paciente sabe sonhar.”

O programa pode ser consultado aqui.

Podem ser consultadas mais informações aqui.

seg.
ter.
qua.
qui.
sex.
sáb.
dom.

Digite o termo que deseja pesquisar no campo abaixo:

Eventos do dia 24/12/2017:

Imprimir


Próximos eventos

Ver Agenda