IPO Coimbra passa a ter um novo acelerador linear a partir deste sábado

Este sábado, 11 de setembro, é mais um dia relevante para o IPO de Coimbra, já que passa a contar com mais um novo acelerador linear, o segundo a ser instalado este ano na instituição.


Foi anunciado pela entidade que se trata de um acelerador linear da marca Varian, modelo TrueBeam, "dotado de características tecnológicas e especificidades que permitirão realizar tratamentos com recurso a técnicas avançadas de radioterapia". E são avançados alguns exemplos: "radioterapia de intensidade modulada (IMRT), arcoterapia volumétrica, também, com intensidade modulada (VMAT), radioterapia estereotáxica de fração única (também designada por radiocirurgia) e com hipofracionamento (SBRT)".

É igualmente recordado que todas estas técnicas são já realizadas no IPO de Coimbra nos equipamentos que têm vindo a ser instalados desde 2016, primeiro a Tomoterapia e, mais recentemente (em abril passado) o acelerador Halcyon.



O IPO de Coimbra fica, assim, capacitado com dois novos aceleradores lineares, "correspondentes a um investimento superior a 5,8 milhões de euros, que visam a substituição de outros dois equipamentos de megavoltagem, com mais de uma década de atividade".

De acordo com o Conselho de Administração, é evidente a grande relevância destes novos equipamentos, já que "permitem aumentar a capacidade de resposta às necessidades dos doentes de toda a Região Centro".

É destacada especificamente a complexidade das técnicas de tratamento, "com tradução quer na precisão, quer na segurança da radioterapia prescrita, garantindo a capacidade de tratamento de forma eficiente, clinicamente efetiva e de acordo com os mais elevados padrões de qualidade técnica e científica".

Imprimir


Próximos eventos

Ver Agenda