Monte Real acolhe 4.ª edição do Challenges in Cardiology

Arrancou hoje a 4.ª edição do Challenges in Cardiology. Presidido por João Morais, diretor do Serviço de Cardiologia do Centro Hospitalar Leiria Pombal, o evento tem lugar hoje e amanhã no Palace Hotel Monte Real, em Leiria, e conta com cerca de 250 participantes, 95% dos quais médicos (cardiologistas e de outras áreas da Medicina).

Em declarações à Just News, João Morais refere que o programa científico é baseado em 16 conferências, nas quais serão abordados temas que tentam “balancear os interesses da Cardiologia e dos cardiologistas com os da Medicina de ambulatório”.

O problema da hipertensão e do consumo exagerado de sal em Portugal é uma das temáticas em discussão, numa conferência proferida pelo presidente da Sociedade Portuguesa de Hipertensão (SPH), Fernando Pinto, que, segundo relata o presidente do evento, “esteve no parlamento há pouco tempo para debater o assunto”.

Adicionalmente, decorrerão algumas sessões sobre temas ligados à área da tecnologia. “A Cardiologia vive muito da alta tecnologia. A possibilidade de tratar o doente da válvula aórtica sem recurso à cirurgia é um tema muito atual, porque exige recursos económicos e o País hoje não está seguramente na melhor situação para o fazer”, afirma, sublinhando, porém, que é importante que os cardiologistas entendam as indicações e vantagens destas novas técnicas.

Vão realizar-se, também, conferências que incidem sobre o acidente vascular cerebral (AVC) em doentes com algum tipo de arritmias, como é caso da fibrilhação auricular. Além de outros temas que vão desde a terapêutica celular e uso de células estaminais, até a uma conferência que incide sobre o “ futuro do enfarte do miocárdio.”

Imprimir