Pediatras colaboram na formação de jovens médicos de família

Rui Nogueira, presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF), afirma ter sido com "enorme carinho e apreço" que assinou um protocolo com a Sociedade Portuguesa de Pediatria (SPP), presidida por Teresa Bandeira. O objetivo é formalizar e reforçar o trabalho conjunto já existente entre a APMGF e a SPP. O protocolo foi assinado na cerimónia de encerramento do 33.º Encontro Nacional da APMGF, que decorreu sob o tema “MGF 20-20: Um futuro, uma odisseia …”.



Rui Nogueira destacou a sua importância, pelo facto de “ser essencial ter acesso a formação e a trabalhos conjuntos em prol dos mais novos, que são centrais na MGF”.

A presidente da SPP, Teresa Bandeira, referiu ser “com um enorme orgulho institucional e pessoal” que assinou o protocolo. “É a formalização de uma relação já a ser desenvolvida em diversos níveis, como trabalhos científicos, e até mesmo no 33.º Encontro Nacional da APMGF, no qual participei no workshop sobre “Vacinas em idade pediátrica - mitos e realidades.”

A responsável salientou a satisfação por este workshop ter contado com a presença de muitos participantes, inclusive jovens. “O interesse foi muito grande e isso percebeu-se pelo número de pessoas que estiveram a assistir, assim como pelas questões colocadas.” Anunciou ainda que a APMGF também vai estar presente no 17.º Congresso Nacional de Pediatria, que vai decorrer em 3 e 4 de novembro, no Porto.

 

Imprimir