Raríssimas apresenta «Quinta dos Marcos», projeto de apoio a portadores de patologia rara

É sob o lema "Uma mãe entende... mesmo o que um filho não diz" que a associação Raríssimas convida à participação na iniciativa sobre o projeto Quinta dos Marcos. O evento realiza-se dia 6 de fevereiro, pelas 19h00, na Fundação Dr. António Cupertino de Miranda, no Porto.

A entrada para a apresentação do projeto é gratuita, mas está sujeita a confirmação (até dia 23 de janeiro), devido à lotação da sala.

Após a apresentação segue-se um jantar de cariz solidário, no valor de 25€/pessoa, cuja presença deve ser confirmada até dia 23 de janeiro, através do e-mail quintadosmarcos@rarissimas.pt.

A Raríssimas descreve a Quinta dos Marcos  como um equipamento social, com modelo assistencial semelhante ao da Casa dos Marcos (o maior projeto da Raríssimas, localizado na Moita) e que "constituirá uma resposta inovadora às necessidades comunicadas por doentes portadores de patologia rara, suas famílias, cuidadores e amigos da zona norte do país".

Entre os vários serviços especializados que prestará, a associação destaca a Unidade de Lar Residencial, Unidade de Residência Autónoma, Centro de Atividades Ocupacionais, Unidade Clínica (aberta também à comunidade) e Unidade de Medicina Física e Reabilitação. A Quinta dos Marcos "será um dia construída na Maia, num terreno já cedido pela autarquia em Vila Nova da Telha".

Contacto: presidencia@rarissimas.pt

Imprimir


II Jornadas Multidisciplinares de Medicina Geral e Familiar