USF Travessa da Saúde: todos contra a violência doméstica

“Mas, Dr.ª, não é normal que um marido bata na mulher quando ele é o homem da casa?” A pergunta pode parecer insólita, mas foi o que ouviu a médica que lidera a equipa do projeto “USF Travessa da Saúde contra a Violência Doméstica”. Trata-se de um grupo formado por uma médica, uma enfermeira e uma secretária clínica da USF Travessa da Saúde, em Sacavém, que visa prevenir, diagnosticar e tratar a violência doméstica como um todo, contando com o apoio dos restantes elementos daquela Unidade e de outras entidades da comunidade.

Nesta USF, coordenada por Cláudia Ho, são vários os casos de violência doméstica que chegam aos gabinetes dos médicos e enfermeiros de família, apesar de na maioria das situações não ser fácil para a vítima contar o que se passa em casa.

“Muitas mulheres vêm às consultas com queixas de ansiedade, cefaleias, dores, problemas gastrenterológicos ou apresentando um quadro depressivo que se arrasta no tempo e que não melhora com farmacologia, o que nos leva a suspeitar que algo se passa”, refere a responsável pelo projeto.



Mesmo quando a mulher tem consciência de que a agressão não é normal, há outras razões que a impedem de pedir ajuda, como nos confirma uma enfermeira da equipa. “Há situações de dependência económica, mas também psicológica, ou seja, são mulheres – a maioria das vítimas – que não conseguiram ainda resolver carências afetivas que já vêm da infância”, conta.

A sensação de fragilidade conduz, assim, com alguma frequência, à chamada síndrome de Estocolmo: “Elas tendem a sentir afeto pelo agressor, desculpando-o porque é bom pai, é trabalhador ou até lhes trouxe uma flor no dia anterior...”



Uma outra médica da USF aponta ainda uma razão diferente para não se dar continuidade à queixa ou para nem sequer se ir à Polícia: “As crenças contribuem bastante, lembro-me que uma senhora me disse que não podia acusar o marido por ter medo que lhe fizessem bruxaria...”

Violência doméstica: mitos e receios dos profissionais de saúde

Face a este drama social e que afeta sobremaneira a saúde, a USF Travessa da Saúde iniciou, em 2016, várias iniciativas que integram o projeto “USF Travessa da Saúde contra a Violência Doméstica”. “Os objetivos gerais são sobretudo identificar as mulheres e famílias da USF que são alvo de violência doméstica, criando-se assim ferramentas de acompanhamento e monitorização para que se possa apostar no empoderamento das vítimas”, explica a responsável do projeto.

Nesse sentido, foi criado um grupo de apoio que se dedica a fazer trabalhos manuais: “É uma forma de evitar o isolamento, melhorar a auto-estima e também permitir a partilha interpares, de modo a que as mulheres percebam que não são as únicas a passar por esta terrível situação e que se pode pôr um travão e refazer a vida.”


Elementos da equipa da USF Travessa da Saúde

Existe ainda o “Espaço Saúde Mulher”, no qual se aborda, todos os meses, um tipo diferente de violência e a forma de combater o mesmo, além de se distribuirem panfletos com informações de contactos de apoio na casa-de-banho, para quem quer levar essa informação mantendo o anonimato.

Neste projeto envolvem-se os diferentes grupos profissionais da Unidade, médicos, enfermeiros e secretários clínicos que “receberam formação interna para saberem como ajudar na prevenção e no diagnóstico-atuação”.



No âmbito desta iniciativa, e para que se obtivessem dados epidemiológicos e a possibilidade de replicar a iniciativa noutros ACES, realizou-se, entre janeiro e junho deste ano, um projeto-piloto no qual se contou com o apoio de entidades externas como a Equipa para a Prevenção da Violência em Adultos, os Núcleos de Apoio a Crianças e Jovens em Risco, a PSP, associações de apoio à vítima e o Serviço de Psiquiatria do Hospital Beatriz Ângelo, em Loures.

Ao fim de 6 meses, foram contabilizados 34 casos de violência doméstica. As principais dificuldades sentidas durante o projeto-piloto tanto tiveram origem na própria vítima – com agravamento se se tratava de um menor – como no profissional e nos próprios serviços de saúde.

"olhar para este crime como um problema de saúde"

Na USF Travessa da Saúde, a equipa envolvida no projeto não tem dúvidas de que ainda há muito trabalho a fazer para se conseguir dar resposta a este flagelo social. “Existem muitos mitos, crenças e estereótipos de género, como achar-se que a violência ainda é uma questão da esfera privada e da responsabilidade de outras entidades.” 

Outra dificuldade apontada prende-se com o facto de "não se olhar para este crime como um problema de saúde, além de que existe ainda o medo de possíveis repercussões profissionais, a tendência para desculpabilizar o comportamento do agressor ou até, em última instância, as vivências de violência no passado ou no presente.”




A falta de formação durante e após o curso de Medicina também não ajuda. “Existe um grande desconhecimento das estratégias de intervenção e uma visão muito biomédica, quando o utente deve ser avaliado sob o ponto de vista biopsicossocial”, considera a responsável.

Os problemas não ficam por aqui. Da parte dos serviços de saúde, a médica realça “as interrupções durante as consultas, a sobrecarga assistencial, a falta de conhecimento e coordenação entre diferentes serviços internos e externos, a dificuldade em gerir a presença do agressor e não existir o recurso a interprétes quando a vítima não fala português”.

Equipa atenta "a todo o tipo de violência"

Na continuação do projeto, pretende-se também consolidar a ligação ao Serviço  de Psiquiatria do Hospital Beatriz Ângelo, para ajudar as vítimas, mas também os agressores: “A violência acontece muitas vezes associada ao alcoolismo, à doença psiquátrica grave descompensada ou não psiquiátrica grave descompensada ou não tratada – esquizofrenia, doença bipolar, etc. – e se não se resolver este problema de base, mesmo existindo queixa-crime e punição, a realidade não vai mudar.”

A médica enfatiza que na USF estão atentos "a todo o tipo de violência", não apenas à de género: “Há muitos idosos a viver em condições precárias, com filhos que apenas querem a sua reforma, casos de abuso sexual e mutilação genital feminina, entre outros.”

No fundo, “temos de aproveitar o facto de que mais facilmente se fala com o médico ou o enfermeiro de família do que com uma associação ou com as autoridades”.

“A nossa população é muito carenciada"
 

A luta contra a violência é uma das várias apostas de uma USF que, desde a sua criação, em 2010, investe de forma significativa em projetos sociais, como forma de promover a saúde dos utentes da União de Freguesias de Camarate, Unhos e Apelação, no concelho de Loures.

Para Cláudia Ho, a coordenadora da USF Travessa da Saúde, este é um caminho inevitável: “A nossa população é muito carenciada e as questões sociais afetam bastante o seu estado de saúde físico e psíquico.”

Localizada em Sacavém, entre o bairro social Quinta do Mocho e um condomínio privado, esta USF partilha o espaço com a USF Sacavém. “A equipa que a criou veio, maioritariamente, do anterior Centro de Saúde de Camarate, que se situava num prédio de 4 andares, com escadas e pouco espaço.”




A multiculturalidade desta região é um dos grandes desafios para os profissionais. “Há gente de Cabo Verde, da Guiné Bissau, de São Tomé e Princípe, do Paquistão, da Índia, pessoas de etnia cigana, que são portuguesas mas que têm usos e costumes muito próprios... Os hábitos são muito diferentes, o que nos obriga a conhecer as suas especificidades e a respeitar a diferença, o que também é muito enriquecedor do ponto vista humano para todos nós.”

O único senão é quando a cultura pode pôr em causa a saúde, mas mesmo assim é preciso apostar no equilíbrio. “Por vezes, é necessário explicar, com calma e respeito, que certos comportamentos podem ser prejudiciais e que, por esse motivo, não devem continuar. Relativamente a outros basta existir uma adaptação da nossa parte.”

Mas não são estes os casos que preocupam a médica. “Deparamo-nos com muitas situações de violência e como são pessoas muito pobres têm de ter 2 ou 3 empregos, o que as leva a deixar os filhos muito pequenos em casa, contribuindo assim para que mais facilmente integrem gangs, tenham comportamentos sexuais de risco desde cedo, consumam drogas, etc.”


Cláudia Ho

Sendo coordenadora desde dezembro de 2017, Cláudia Ho diz que tem aprendido muito. “O mais exigente é a gestão de recursos humanos, ou seja, as emoções, porque isso não se aprende nos livros da mesma forma que estudamos os passos de uma auditoria, por exemplo...”

No futuro, a médica espera consolidar os vários projetos sociais da USF, nunca esquecendo a vertente de prevenção própria dos cuidados de saúde primários: “É a nossa principal missão e, na minha opinião, é fundamental capacitar os cidadãos para que saibam cuidar da sua saúde e autogerir a sua doença, isto é, não damos apenas a cana, ensinamos a pescar.”

No momento presente mantém-se a vontade e a dedicação de uma equipa que aposta na visão biopsicossocial de cada utente, para se evitarem os problemas de saúde associados, por exemplo, à violência, e também para se prevenir que haja mais mulheres a pensarem que o marido tem direito em agredir por “ser o homem da casa”.



A reportagem completa sobre a USF Travessa da Saúde pode ser lida na edição de novembro do Jornal Médico dos cuidados de saúde primários. Inclui diferentes perspetivas de profissionais de Medicina Geral e Familiar, Enfermagem, Secretariado Clínico e Internato Médico da unidade, além de testemunhos de utentes.



De periodicidade mensal, Jornal Médico dos cuidados de saúde primários é distribuído em todas as unidades de saúde familiar do país, sendo uma ferramenta única na partilha e promoção de boas práticas e projetos inovadores implementados nos cuidados primários.


Agenda de Eventos - Cuidados de Saúde Primários

40.º Congresso Nacional da SEMERGEN - Sociedad Española de Médicos de Atención Primaria
Localização: Palácio de Congressos, Palma de Maiorca, Espanha

10/17/2018

/agenda/40-congresso-nacional-da-semergen-sociedad-espaola-de-mdicos-de-atencin-primaria

40.º Congresso Nacional da SEMERGEN - Sociedad Española de Médicos de Atención Primaria
Localização: Palácio de Congressos, Palma de Maiorca, Espanha

10/18/2018

/agenda/40-congresso-nacional-da-semergen-sociedad-espaola-de-mdicos-de-atencin-primaria

40.º Congresso Nacional da SEMERGEN - Sociedad Española de Médicos de Atención Primaria
Localização: Palácio de Congressos, Palma de Maiorca, Espanha

10/19/2018

/agenda/40-congresso-nacional-da-semergen-sociedad-espaola-de-mdicos-de-atencin-primaria

40.º Congresso Nacional da SEMERGEN - Sociedad Española de Médicos de Atención Primaria
Localização: Palácio de Congressos, Palma de Maiorca, Espanha

10/20/2018

/agenda/40-congresso-nacional-da-semergen-sociedad-espaola-de-mdicos-de-atencin-primaria

1.º Encontro de Saúde Escolar do ACES Loures-Odivelas
Localização: Auditório dos Paços do Concelho, Odivelas

10/18/2018

/agenda/1-encontro-de-sade-escolar-do-aces-louresodivelas

Jornadas da Saúde e Desporto nos Cuidados de Saúde Primários
Localização: Museu D. Diogo de Sousa, Braga

10/19/2018

/agenda/jornadas-da-sade-e-desporto-nos-cuidados-de-sade-primrios

Jornadas da Saúde e Desporto nos Cuidados de Saúde Primários
Localização: Museu D. Diogo de Sousa, Braga

10/20/2018

/agenda/jornadas-da-sade-e-desporto-nos-cuidados-de-sade-primrios

1.º Encontro da USF Serpa Pinto
Localização: Espaço Atmosfera M, Porto

10/19/2018

/agenda/1-encontro-da-usf-serpa-pinto

2.º Encontro «Cuidar do doente com demência»
Localização: Auditório do Parque Biológico de Avintes

10/19/2018

/agenda/2-encontro-cuidar-do-doente-com-demncia

«Actualização em Glândulas Salivares»
Localização: Casa de Saúde da Boavista, Porto

10/20/2018

/agenda/reunio-actualizao-em-glndulas-salivares

Diagnóstico e tratamento das cefaleias
Localização: i3s - Auditório Corino de Andrade, Porto

10/20/2018

/agenda/diagnstico-e-tratamento-das-cefaleias

InspirAR - 3.º Encontro de Pneumologia com a Medicina Geral e Familiar
Localização: Coimbra, Hotel Dona Inês

10/25/2018

/agenda/inspirar-3-encontro-de-pneumologia-com-a-medicina-geral-e-familiar

InspirAR - 3.º Encontro de Pneumologia com a Medicina Geral e Familiar
Localização: Coimbra, Hotel Dona Inês

10/26/2018

/agenda/inspirar-3-encontro-de-pneumologia-com-a-medicina-geral-e-familiar

Encontro Nacional de Grupos Balint 2018
Localização: Secção Regional do Norte da Ordem dos Médicos do Porto

10/26/2018

/agenda/encontro-nacional-de-grupos-balint-2018

Encontro Nacional de Grupos Balint 2018
Localização: Secção Regional do Norte da Ordem dos Médicos do Porto

10/27/2018

/agenda/encontro-nacional-de-grupos-balint-2018

4.º Encontro de Médicos de Família do Algarve
Localização: Vilamoura

10/26/2018

/agenda/4-encontro-de-mdicos-de-famlia-do-algarve

4.º Encontro de Médicos de Família do Algarve
Localização: Vilamoura

10/27/2018

/agenda/4-encontro-de-mdicos-de-famlia-do-algarve

Neurologia em MGF 2018
Localização: Centro de Artes de Águeda

10/26/2018

/agenda/neurologia-em-mgf-2018

Neurologia em MGF 2018
Localização: Centro de Artes de Águeda

10/27/2018

/agenda/neurologia-em-mgf-2018

1.º Curso de Cirurgia Bariátrica e Metabólica para Medicina Geral e Familiar
Localização: Hotel 3K Europa

10/26/2018

/agenda/1-curso-de-cirurgia-baritrica-e-metablica-para-medicina-geral-e-familiar

Cuidados de Saúde Primários ao ritmo das Tecnologias da Saúde
Localização: Macedo de Cavaleiros

10/27/2018

/agenda/cuidados-de-sade-primrios-ao-ritmo-das-tecnologias-da-sade

VI Congresso Sul-Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade
Localização: Centro de Cultura e Eventos, UFSC - Florianópolis, Brasil

11/08/2018

/agenda/vi-congresso-sulbrasileiro-de-medicina-de-famlia-e-comunidade

VI Congresso Sul-Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade
Localização: Centro de Cultura e Eventos, UFSC - Florianópolis, Brasil

11/09/2018

/agenda/vi-congresso-sulbrasileiro-de-medicina-de-famlia-e-comunidade

VI Congresso Sul-Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade
Localização: Centro de Cultura e Eventos, UFSC - Florianópolis, Brasil

11/10/2018

/agenda/vi-congresso-sulbrasileiro-de-medicina-de-famlia-e-comunidade

VI Congresso Sul-Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade
Localização: Centro de Cultura e Eventos, UFSC - Florianópolis, Brasil

11/11/2018

/agenda/vi-congresso-sulbrasileiro-de-medicina-de-famlia-e-comunidade

XVII Jornadas de Medicina Geral e Familiar dos Açores
Localização: Linze Açores Great Hotel, Ponta Delgada

11/08/2018

/agenda/xvii-jornadas-de-medicina-geral-e-familiar-dos-aores

XVII Jornadas de Medicina Geral e Familiar dos Açores
Localização: Linze Açores Great Hotel, Ponta Delgada

11/09/2018

/agenda/xvii-jornadas-de-medicina-geral-e-familiar-dos-aores

XVII Jornadas de Medicina Geral e Familiar dos Açores
Localização: Linze Açores Great Hotel, Ponta Delgada

11/10/2018

/agenda/xvii-jornadas-de-medicina-geral-e-familiar-dos-aores

VII Encontro de Ginecologia/Obstetrícia e Medicina Geral e Familiar (GO MGF)
Localização: Casa da Cultura de Paredes

11/09/2018

/agenda/vii-encontro-de-ginecologiaobstetrcia-e-medicina-geral-e-familiar-go-mgf

5.ª Reunião do Internato Médico de Saúde Pública da Zona Norte
Localização: Auditório Francisco Sampaio da ESTG, Viana do Castelo

11/14/2018

/agenda/5-reunio-do-internato-mdico-de-sade-pblica-da-zona-norte

5.º Encontro da Unidade Coordenadora Funcional de Diabetes - Hospital Beatriz Ângelo
Localização: Auditório do Hospital Beatriz Ângelo

11/14/2018

/agenda/5o-encontro-da-unidade-coordenadora-funcional-de-diabetes-hospital-beatriz-angelo

II Encontro da USF Calâmbriga
Localização: Auditório Municipal do Centro Cultural de Macieira de Cambra, Aveiro

11/17/2018

/agenda/ii-encontro-da-usf-calmbriga

1.as Jornadas da USF Freamunde - «Um dia Atípico do Médico de Família»
Localização: Câmara Municipal de Paços de Ferreira

11/19/2018

/agenda/1as-jornadas-da-usf-freamunde-um-dia-atpico-do-mdico-de-famlia

1.as Jornadas da USF Freamunde - «Um dia Atípico do Médico de Família»
Localização: Câmara Municipal de Paços de Ferreira

11/20/2018

/agenda/1as-jornadas-da-usf-freamunde-um-dia-atpico-do-mdico-de-famlia

V Jornadas da Bairrada & III Encontro de Recém Especialistas
Localização: Auditório do Biocant Park

11/22/2018

/agenda/v-jornadas-da-bairrada-e-iii-encontro-de-recem-especialistas

V Jornadas da Bairrada & III Encontro de Recém Especialistas
Localização: Auditório do Biocant Park

11/23/2018

/agenda/v-jornadas-da-bairrada-e-iii-encontro-de-recem-especialistas

I Jornadas de Enfermagem do ACES Arco Ribeirinho
Localização: Auditório Municipal Augusto Cabrita, Barreiro

11/27/2018

/agenda/i-jornadas-de-enfermagem-do-aces-arco-ribeirinho

X Encontro Nacional de Médicos Internos de Saúde Pública
Localização: Guimarães

12/06/2018

/agenda/x-encontro-nacional-de-medicos-internos-de-saude-publica

X Encontro Nacional de Médicos Internos de Saúde Pública
Localização: Guimarães

12/07/2018

/agenda/x-encontro-nacional-de-medicos-internos-de-saude-publica

29.as Jornadas de Medicina Geral e Familiar de Évora
Localização: Évora Hotel

02/07/2019

/agenda/29as-jornadas-de-medicina-geral-e-familiar-de-vora

29.as Jornadas de Medicina Geral e Familiar de Évora
Localização: Évora Hotel

02/08/2019

/agenda/29as-jornadas-de-medicina-geral-e-familiar-de-vora

1.as Jornadas Multidisciplinares de Medicina Geral e Familiar
Localização: Centro de Congressos do Sheraton Porto Hotel

03/07/2019

/agenda/1as-jornadas-multidisciplinares-de-medicina-geral-e-familiar

1.as Jornadas Multidisciplinares de Medicina Geral e Familiar
Localização: Centro de Congressos do Sheraton Porto Hotel

03/08/2019

/agenda/1as-jornadas-multidisciplinares-de-medicina-geral-e-familiar

36.º Encontro Nacional de Medicina Geral e Familiar
Localização: Braga

03/13/2019

/agenda/36-encontro-nacional-de-medicina-geral-e-familiar

36.º Encontro Nacional de Medicina Geral e Familiar
Localização: Braga

03/14/2019

/agenda/36-encontro-nacional-de-medicina-geral-e-familiar

36.º Encontro Nacional de Medicina Geral e Familiar
Localização: Braga

03/15/2019

/agenda/36-encontro-nacional-de-medicina-geral-e-familiar

36.º Encontro Nacional de Medicina Geral e Familiar
Localização: Braga

03/16/2019

/agenda/36-encontro-nacional-de-medicina-geral-e-familiar

5.as Jornadas do GRESP - Grupo de Estudos em Doenças Respiratórias da APMGF
Localização: Centro de Congressos da Portugal Telecom, Parque das Nações, Lisboa

06/07/2019

/agenda/5as-jornadas-do-gresp-grupo-de-estudos-em-doenas-respiratrias-da-apmgf

5.as Jornadas do GRESP - Grupo de Estudos em Doenças Respiratórias da APMGF
Localização: Centro de Congressos da Portugal Telecom, Parque das Nações, Lisboa

06/08/2019

/agenda/5as-jornadas-do-gresp-grupo-de-estudos-em-doenas-respiratrias-da-apmgf

Imprimir