Jornal da 39.ª Reunião Anual da SPAIC

O tema da 39.ª Reunião Anual da Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica – “Imunologia: da investigação à prática clínica” é, aos olhos de Filipe Inácio, presidente de honra do evento, “oportuno”, depois de há um ano ter sido publicada legislação onde, no seu entender, “a Tutela começa a olhar para a investigação com ‘olhos de ver’”.

O diretor do Serviço de Imunoalergologia do Centro Hospitalar de Setúbal falava na cerimónia de abertura do evento, que decorreu ontem. Filipe Inácio considera que “é fundamental valorizar mais a publicação científica”.


Para tal, é importante que a SPAIC, o Colégio da Especialidade de Imunoalergologia da Ordem dos Médicos e todos aqueles que têm responsabilidades hospitalares façam pressão junto da Tutela para que a investigação seja reconhecida como um tema fundamental.


“Somos excelentes médicos na nossa prática clínica, mas não temos a visibilidade correspondente pela incapacidade estrutural que temos para poder publicar”, disse.

Imprimir


Médicos de família assinalam Dia Mundial da Asma 2019 na Sertã